O coletivo Vacatussa, lá do Recife, organizou um mapa reunindo citações de diversos locais da cidade que aparecem em livros de autores locais.

O mapa já tem mais de 40 citações de autores como Raimundo Carrero, Carneiro Vilela, José Luiz Passos, Marcelino Freire, Ronaldo Correia de Brito, Xico Sá, entre outros. O mapa receberá atualizações frequentes.

Os trechos remetem aos locais do passado e do presente da capital pernambucana, por isso, alguns trazem um tom de melancolia, como é o caso do trecho tirado do livro Retratos Imorais (Alfaguara, 2010), de Ronaldo Correia de Brito onde ele relembra o antigo Cine Coliseu:

As duas amigas frequentavam o Coliseu, a arena recifense dos filmes de arte, no bairro de Casa Amarela, que não escapou ao destino de transformar-se em supermercado, como quase todos os cinemas”.

Outros trazem mais humor, ironia e poesia aos locais citados, como a descrição do Beco da Fome, por Xico Sá na crônica Morte em Veneza dos Pobres, do livro O Carapuceiro (Paes, 2014):

“E me vi no Beco da Fome, na Sete de Setembro, quatro poetas por cada metro quadrado, almas penadas, leilão de Faustos; o cheiro de queijo de coalho assado, cerveja com amendoim, a macaxeira com charque para abrir as ventas dos maconheiros. Fome de viver maior que a larica e o desprezo do tal cão sem plumas, que passa, independentemente do verso enxuto e preciso de seu João”.

Para acessar o mapa com os trechos, basta clicar no mapa abaixo.

 

recifemapa


PARA LER

  • Retratos imorais, de Ronaldo Correia de Brito (Alfaguara, 2010)
  • Angu de Sangue, de Marcelino Freire (Ateliê Editorial, 2000)
  • O amor não tem bons sentimentos, de Raimundo Carrero (Iluminuras, 2007)
  • Sofia, uma ventania para dentro, de Sydney Rocha (Ateliê Editorial, 2005)
  • O carapuceiro, de Xico Sá (Paes, 2014)